sexta-feira, 1 de março de 2019

FOTOS REALISTAS...Fotógrafo norte-americano registra a ação do tempo em estruturas abandonadas.


Fotógrafo norte-americano registra a ação do tempo em estruturas abandonadas



A série de imagens produzidas pelo fotógrafo norte-americano Matthew Christopher, que mostra uma variedade de edifícios vazios em diferentes estados de destruição.

De acordo com o Daily Mail, que postou algumas fotos de Christopher, algumas das estruturas — entre elas igrejas, escolas, prisões e fábricas — continuam exatamente iguais ao dia em que foram abandonadas, contando, ainda, com a mobília ou o maquinário original. Outras já mostram com mais intensidade a imperdoável ação do tempo, dando a impressão de que estão se esfarelando pouco a pouco.

Confira a seguir algumas das imagens clicadas por este talentoso fotógrafo, e se você quiser conhecer um pouco mais sobre o trabalho dele, basta clicar neste link e visitar as diversas galerias disponíveis no site oficial:

1 – Prisão do Condado de Essex, Newark



Fonte da imagem: Reprodução/Matthew Christopher

Localizada na cidade de Newark, em New Jersey, a prisão foi desativada na década de 70, quando uma nova instalação foi construída.

2 – Escola Julia de Burgos Magnet, Philadelphia


Fonte da imagem: Reprodução/Matthew Christopher

Este colégio do ensino médio foi finalmente fechado em 2002, depois de passar anos sendo negligenciado e sem receber qualquer tipo de reparos.

3 – Refeitório desconhecido


Fonte da imagem: Reprodução/Matthew Christopher

O ambiente acima faz parte da estrutura de uma antiga prisão, cujo nome ou localização não foram divulgados pelo fotógrafo.

4 – Cafeteria anônima


Fonte da imagem: Reprodução/Matthew Christopher

Mais um ambiente que já fez parte de uma prisão, cujo nome ou localização também não foram divulgados pelo fotógrafo.

5 – Igreja da Assunção, Philadelphia


Fonte da imagem: Reprodução/Matthew Christopher

Abandonada há algum tempo, o enorme órgão tocado durante os serviços religiosos continua envelhecendo em seu interior.

Fonte: Matthew Christopher Daily Mail

Nenhum comentário:

Postar um comentário