sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Como perder mil calorias em 40 minutos com a atleta bodyfitness Nathalia Santoro.




Acomodado, apaziguado, assegurado, bonança, bonançoso, brando, calmo, chão, comodo, comodo, descansado, descuidado, descuidoso, despreocupado, desventoso, dormente, imoto,


Imagem relacionada

 Imperturbado, inconvulso, maino, manso, mudo, pacato, pachola, pacífico, plácido, quedo, quedo, queto, quieto, recolhido, remansado .

SAIA DESTA!
 "SEDENTARISMO"

Viver e não ter vergonha de ser feliz,
MUDAR SEU ESTILO, SEU ritmo.




Como perder mil calorias em 40 minutos com a atleta bodyfitness Nathalia Santoro. A série para perder mil calorias em 40 minutos é uma sequência de exercícios desenvolvida no exército dos EUA, é uma série profissional, pesada e que dá muitos resultados. Você pode realizar essa série tanto em sua academia, quanto em casa ou até em parques ao ar livre.





Exercícios para Perder Mil Calorias em 40 Minutos.

100 Polichinelos

20 Flexões de Braço

30 Joelho no Peito

30 Chutes no Bumbum

25 Burpees

30 Abdominal Canivete

60 Mountain Bike (Escalada no Chão)

50 Agachamento com Salto

4 Séries Completas com Todos os Exercícios




A série para perder mil calorias em 40 minutos é uma sequência de exercícios desenvolvida no exército dos EUA, é uma série profissional, pesada e que dá muitos resultados.



Você pode realizar essa série tanto em sua academia, quanto em casa ou até em parques ao ar livre.



GUIA DA LONGEVIDADE
ENTRE EM FORMA 


Sete exercícios ideais para quem passou dos 60 anos
A atividade física correta traz qualidade de vida e mais saúde

Se você já passou dos 60 anos e não faz exercícios por falta de motivação ou por medo de que o corpo não dê mais conta do recado, precisa rever seu conceito e mudar de opinião agora mesmo. Nessa etapa da vida, tanto homens quanto mulheres sofrem alterações no corpo, que os deixam mais propensos a sentirem dores, rigidez muscular e mais cansaço do que os mais jovens. Por isso, escolher o exercício certo para as características do seu corpo é uma ótima alternativa para continuar.









MAIS DE CINQUENTA ANOS? VEJA ISSO: Cuidados com a saúde do homem com mais de 50 anos.


Cuidados com a saúde do homem com mais de 50 anos.


Envelhecimento não é doença, mas pode trazer doenças se você não se cuidar. Por isso aqui estão os conselhos de especialistas para envelhecer com saúde.




Na medida em que envelhecemos, o corpo tem necessidades e respostas diferentes. Por isso é necessário ao escolher sua alimentação e exercícios, levar-se em consideração a idade.
A genética é um fator importante para determinar a qualidade do envelhecimento, mas é possível ainda que a sua carga genética seja desfavorável, quebrar a carga genética e ter boa qualidade de vida em qualquer idade. Como diz o cardiologista Donald Lloyd Jones: "Alguns genes podem carregar o risco para doenças, mas o estilo de vida saudável pode vencer o padrão endógeno".




O Ministério da Saúde considera a população masculina como uma faixa com altos índices de morbilidade e um problema de saúde pública, pois os coeficientes de mortalidade masculina são consideravelmente maiores se comparados aos índices femininos em todas as faixas etárias. Por isso em 2009, o Ministério da Saúde lançou a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem (PNAISH) especialmente para atender a essa população e facilitar o acesso aos serviços públicos de saúde.
Entre os maiores fatores de risco estão a hipertensão arterial, a obesidade, o diabetes tipo II e hábitos nocivos como abuso de gorduras não saudáveis, sal e doces, bebida alcoólica, tabagismo e sedentarismo.
Por isso se você tem mais de 50 anos, não descuide de sua saúde para não ter que ser cuidado por outros. Aqui estão alguns cuidados básicos que todo homem deve tomar:
Procure o médico e veja suas condições gerais de saúde. Faça um check-up se não fez até agora. Esse check-up deve incluir:


Os 10 mandamentos do envelhecimento saudável  http://receitasfitnesssimples.com.br/

EXAMES LABORATORIAIS PARA VERIFICARSangue:
Níveis de glicose, triglicérides e colesterol, ácido úrico, creatinina, hemograma completo e níveis de testosterona - homens também podem ter a chamada "menopausa masculina" - a Andropausa, que é uma baixa significativa nos níveis de testosterona. PSA para verificar problemas na próstata e Proteína C Reativa (PCR) - para verificar infecções virais e doenças autoimunes.
Urina:
Verificar as condições gerais dos rins, açúcar ou sangue na urina, se há problemas relacionados à diabetes como proteinúria - presença de proteínas na urina, que quando acima do normal é considerado um problema grave e o exame do Tipo 1 (EAS).




EXAMES AMBULATORIAIS PARA VERIFICARO coração: Ausculta do órgão, aferição da pressão arterial, eletrocardiograma, teste ergométrico.
A próstata - exame que pode ser feito através do toque retal ou exame de sangue (PSA).
O cólon - colonoscopia - exame para detectar possíveis feridas ou câncer intestinal. Deve ser feito a cada 5 anos após os 50 anos, ou se houver alterações, a cada dois anos.
Pulmões: Raio X de tórax.

CUIDADOS COM A ALIMENTAÇÃOComo o metabolismo se desacelera com o envelhecimento, é sábio diminuir-se cada vez mais o tamanho do prato. Comer menos = viver mais.
Inclua mais fibras, verduras, frutas e legumes na alimentação.
Prefira as proteínas magras como frango, peixe e queijos brancos e fuja das frituras, especialmente em óleos refinados. A soja não deve ser utilizada por homens, especialmente nessa faixa etária, pois além dos fitoesteroides, semelhantes ao estrógeno (hormônio feminino), há estudos relacionando o uso exagerado de soja à demência.
Diminua ou corte totalmente da sua alimentação os carboidratos simples como: refrigerantes, doces, pães brancos, biscoitos, etc.
Inclua cereais integrais e evite os refinados.

EXERCÍCIOSSe você é sedentário, antes de começar a sair correndo por aí, faça o check-up descrito acima e aguarde a confirmação médica de aptidão. Com o passar dos anos, a tendência é perder músculos e acumular gordura. No entanto, com exercícios e alimentação adequada, você pode chegar aos 60 com o mesmo peso dos 20 anos.

OS MELHORES EXERCÍCIOS PARA QUEM TEM MAIS DE 50 ANOS:Hidroginástica, caminhada, corrida (sob supervisão de profissionais, com menor frequência - 3 vezes por semana e descanso intercalado). Mas, sempre começando aos poucos.

CONSELHOS GERAIS
Moderação com o álcool, cafeina, alimentos gordurosos.Mantenha-se ativo - física, sexual e intelectualmente.

infográfico benefícios da caminhada


Se você ronca, trate o ronco. Roncar afeta a qualidade do sono, a pressão arterial, o peso, o ânimo e até o casamento (pergunte à sua esposa).

Confira o infográfico com diferença entre carboidratos complexos e carboidratos simples.


Cuide dos dentes.
Não se cobre tanto e evite o estresse.





IMPERDÍVEL, ATIVIDADE FÍSICA: conheça os benefícios para quem tem mais de 50.



Atividade física conheça os benefícios para quem tem mais de 50.





Com o avançar da idade, diversos problemas de saúde tendem a aparecer. Muitas pessoas desenvolvem doenças crônicas, como a hipertensão e o diabetes, que precisam de controle constante e exigem o uso de medicamentos. Também é comum surgirem doenças articulares, como a artrite e a osteoporose. Mas você sabia que uma das formas mais eficientes de evitar esses transtornos é aproveitando os benefícios da atividade física?



Neste post, mostraremos a você qual é a importância de praticar atividades físicas regularmente, especialmente para aqueles que já passaram dos 50 anos. Continue a leitura e tire suas dúvidas!
Os principais benefícios da atividade física depois dos 50
Maior expectativa de vida

Um estudo realizado na Inglaterra com homens acima de 50 anos que nunca tinham praticado nenhum tipo de exercício mostrou que a prática de atividades aumenta a expectativa de vida. Foram, no total, 2.200 pacientes analisados durante 30 anos.

Os resultados foram impressionantes: a taxa de mortalidade caiu em 32% entre os que passaram a praticar exercícios diariamente em comparação ao grupo que não praticava. Para aqueles que não praticavam exercícios todos os dias, a redução foi de 22%.

Outra vantagem foi que, após 10 anos praticando exercícios, essas pessoas que eram sedentárias alcançaram o mesmo vigor de outras que já praticavam atividades físicas há mais tempo. Isso prova que nunca é tarde para se exercitar, e você pode melhorar sua qualidade de vida começando hoje mesmo.



Mente saudável

A mente também sofre com o envelhecimento do corpo. Um conjunto de alterações cognitivas podem aparecer após os 50 anos, afetando tanto o comportamento quanto a personalidade. A essas mudanças, damos o nome de doenças senis — ou seja, doenças que atingem o cérebro de muitos idosos —, e as mais conhecidas são o mal de Alzheimer e a demência.

Os ganhos que a prática frequente de exercícios oferece para a mente são diversos. Um dos mais importantes é o aumento da neuroplasticidade — capacidade de realizar conexões entre os neurônios —, ajudando a mente e o raciocínio a funcionar melhor. Uma rotina ativa diminui também os riscos de atrofia do cérebro, especialmente na região da memória.

Outro benefício é a melhora do humor. Depois dos 50 anos, os adultos podem passar por uma fase difícil em suas vidas: os filhos já não moram mais em casa e têm suas próprias famílias, está chegando a época de se aposentar e ainda há o preconceito contra o idoso.

Tudo isso, entre outros fatores, podem contribuir para o desenvolvimento de doenças psiquiátricas, como a depressão. Nesse sentido, a prática de exercícios ajuda a liberar a serotonina, uma substância que oferece prazer e bem-estar.



MÚSCULOS FORTES.

A partir dos 50 anos, a perda de massa muscular começa a acontecer de forma acentuada, e a força pode diminuir cerca de 1,5% por ano. Entre os 50 e os 80 anos, a perda muscular pode chegar a 40% e, por conta disso, fica muito mais fácil ter problemas articulares e dores em diversas partes do corpo. O enfraquecimento e encurtamento dos músculos também pode levar ao desenvolvimento de problemas ósseos ou nervosos.

Quanto mais os músculos são trabalhados, menor é a perda muscular e maior é o fortalecimento. Se você passa muito tempo sentado e é uma pessoa sedentária, por exemplo, há chances de desenvolver problemas de saúde como a hipertensão arterial ou até mesmo a obesidade. Algumas pessoas podem sofrer até com perda de mobilidade e dificuldade para se movimentar por conta da falta de atividades físicas.

O fortalecimento dos músculos é um dos grandes benefícios de praticar atividades físicas, pois ajuda a evitar problemas graves, como a osteoporose. Isso acontece porque, quando praticamos exercícios, os músculos são tracionados assim como os tendões. E como tudo está ligado aos ossos, essa tração faz com que a matriz óssea trabalhe mais para criar mais células ósseas (osteoblastos), tornando os músculos e os ossos mais fortes.
Articulações mais resistentes

Como você viu, uma das maiores causas dos problemas articulares é a fraqueza muscular. Quando os nossos músculos estão frágeis, eles não conseguem oferecer o suporte e o equilíbrio necessários para evitar quedas, torções e outros problemas que podem acontecer na rotina do idoso. Nesse contexto, a prática de atividades físicas não melhora apenas a lubrificação das articulações, mas também fortalece os músculos, evitando uma série de problemas no corpo.
Como evitar as lesões

Pessoas com mais de 50 anos têm mais chances de sofrer com lesões musculares, ósseas e articulares por todos os motivos já citados anteriormente. Elas também sofrem mais risco de quedas, que podem representar um problema ainda mais grave no caso de fraturas ósseas.

Veja abaixo algumas formas de evitar as lesões:
Tenha uma alimentação balanceada

A alimentação é o fator de maior importância para a nossa saúde, e para aproveitar os benefícios da atividade física, você não pode descuidar dela. Portanto, procure manter uma alimentação balanceada e de acordo com as necessidades dessa nova fase da sua vida.

Consulte um nutricionista e/ou um nutrólogo para identificar quais nutrientes estão faltando na sua rotina e no seu organismo. Para te ajudar a manter os níveis em dia, o profissional poderá receitar o consumo de suplementos — como os de cálcio e colágeno —, que contribuem para deixar os ossos mais fortes e as articulações mais resistentes.
Pratique exercícios com uma intensidade compatível

A empolgação dos primeiros dias de exercícios físicos é bastante comum, e por isso é preciso ter alguns cuidados. Afinal, o excesso de treinamentos e a prática de forma intensa podem causar efeitos indesejados no organismo.

Tenha em mente que os músculos precisam estar devidamente preparados para receber uma carga de treinos, e isso só ocorre de forma gradual. O ideal é buscar orientação profissional de um educador físico, que poderá montar uma rotina de treinamento adequada à sua idade e ao seu estilo de vida. Antes de começar a praticar, portanto, vá ao médico e faça todos os exames necessários.



CORRIGIR AS PISADAS.

Algumas pessoas apresentam uma pisada pronada ou supinada, ou mesmo um pé plano ou cavo. Essas modificações ocorrem durante o nosso crescimento e precisam ser corrigidas, pois podem favorecer uma lesão ligamentar ou articular durante um exercício como a corrida.



Para contornar o problema, é possível adquirir uma palmilha especializada para a prática de atividades ou pode comprar um tênis que já seja apropriado para as suas necessidades. Muitas marcas tem investido nessas inovações e aprimorado seus sistemas de amortecimento, então não deixe de procurar o modelo ideal para você.

Mais um dos importantes benefícios da atividade física que não citamos aqui é a melhora do desempenho sexual. Quer entender como isso acontece? Veja agora como você pode aprimorá-lo!

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

NOVIDADES EM SUPLEMENTOS QUE SALVAM. Resveratrol, O açafrão, Reishi Mushroom Extract, O chá verde.

Para que serve o Resveratrol.
O Resveratrol é um fitonutriente produzido em plantas que ajuda a melhorar a saúde, pois atua prevenindo o câncer, melhorando a aparência da pele, diminuindo o colesterol e eliminando as toxinas do organismo, o que proporciona o bem-estar.
Este fitonutriente pode ser encontrado no suco de uva integral, vinho tinto ou no cacau e ele pode ser consumido através da ingestão destes alimentos, ou através da toma de suplementos de Resveratrol. 



Benefícios do Resveratrol
O Resveratrol apresenta diversos benefícios que incluem:
Melhora a aparência da pele e previne o envelhecimento precoce;
Ajuda a purificar e desintoxicar o organismo;
Proteger o organismo contra doenças cardiovasculares;
Ajuda a reduzir o colesterol ruim (colesterol LDL);
Melhora a cicatrização de ferimentos;
Ajuda a combater inflamações.
Além disso, o Resveratrol apresenta propriedades anticancerígenas, protegendo o organismo contra diversos tipos de câncer como câncer do cólon ou da próstata, suprimindo a proliferação de uma grande variedade de células tumorais.
Propriedades do Resveratrol
As propriedades do Resveratrol incluem uma ação antioxidante, anticancerígena, antiviral, protetora, anti-inflamatória e de antienvelhecimento.
Quando não deve ser usado
O Resveratrol não deve ser usado por mulheres grávidas ou amamentando ou por crianças, sem a orientação do médico ou nutricionista.
Como tomar suplemento de Resveratrol
O Resveratrol pode ser encontrado na forma de suplementos alimentares em cápsulas, que devem ser tomados segundo as orientações fornecidas na embalagem do produto. Geralmente, é recomendado tomar entre 250 mg a 500 mg de Resveratrol por dia, de acordo com as orientações dadas pelo médico ou nutricionista.

O resveratrol é um antioxidante que pode ajudar a prevenir e tratar o câncer. O teste de laboratório do composto em animais apareceram benefícios que foram aproveitadas em forma de pílula . Pílulas de resveratrol tem sido apontado como ajudar a prevenir o câncer em cães , e estendendo sua vida útil . 
Definição de Resveratrol
O resveratrol é um polifenol antioxidante derivado de várias plantas, vinho tinto e na pele e sementes de uvas , bem como o amendoim. Ele atua como um anti -inflamatório que pode ajudar a prevenir o câncer. A história de 2007 New York Times chamou o composto " elixir da juventude", capaz de tratar o diabetes, a doença de Alzheimer e Parkinson, e até mesmo contribuir para um aumento da expectativa de vida.
Como Funciona
o resveratrol ativa o gene SIRT -1 , o que retarda o envelhecimento e enfermarias fora da doença , de acordo com o New York Times.
Efeitos de acordo com o Instituto Nacional do Câncer , " o resveratrol foi mostrado para reduzir a incidência de tumores em animais por afectar uma ou mais fases de desenvolvimento de cancro evidências recentes de estudos com animais sugerem que este composto anti - inflamatório pode ser um agente quimiopreventivo eficaz em três estágios do processo de cancro : . iniciação, promoção e progressão. "
Em células e animais , o resveratrol foi encontrado eficaz com câncer de leucemia , pele , mama e próstata , inibindo o crescimento de células cancerígenas.
O site para Resvantage Canino, uma forma de o composto dado aos cães, cita o Dr. David Sinclair , professor associado de patologia na Harvard Medical School, dizendo que em 2006 ", Resveratrol estendeu o tempo de vida de todas as espécies vivas que têm alimentado a ele. "
cães e cancro
Tal como os humanos , os cães são suscetíveis a vários tipos de câncer , incluindo câncer que afetam a pele , ossos , rins e outras partes do corpo. Os tratamentos incluem os normalmente usados ​​em seres humanos , incluindo quimioterapia , imunoterapia , mudanças na dieta e terapias holísticas .
Resvantage Canine
Resvantage Canine é comercializado como um "suplemento longevidade " para cães. Além de resveratrol, ingredientes incluem kelp Atlântico , óleo de linhaça e lecitina . Embora o medicamento não é comercializado como uma cura para o câncer, ele é anunciado como uma possível maneira de prevenir o câncer.
< P> A droga também é dito para beneficiar a saúde cardiovascular, o sistema imunológico, pele e pelagem , proteção antioxidante , a função articular e energia e resistência . Resvantage canina é dada numa cápsula com os alimentos , e os cães são doseados a uma cápsula por dia para cada 30 libras de peso do cão . Se um cão recebe várias doses em um dia, que deve ser dada em diferentes momentos do dia. Resveratrol não devem ser administrados a filhotes menores de 6 meses de idade , cães que estão grávidas ou amamentando , cães utilizados na criação de animais e cães com sensibilidade de iodo. 


O açafrão é uma especiaria usada há muito em cozinhar e em alguns sistemas de medicina tradicional. Derivado da flor Crocus sativus , normalmente é consumido como uma especiaria culinária. Os defensores afirmam que os suplementos contendo extrato de açafrão podem ajudar a promover a perda de peso e ajudar no tratamento de condições de saúde, incluindo depressão.
Acredita-se que os principais compostos ativos sejam crocins, croceterina, picrocrocin e safranal.
Por que as pessoas usam extrato de açafrão
Embora seja mais conhecido como um tempero usado para saborear pratos como bouillabaisse e paella, o açafrão também é usado medicinalmente e é dito para ajudar a tratar ou prevenir os seguintes problemas de saúde:
doença de Alzheimer
Ansiedade
Asma
Aterosclerose
Tosse
Depressão
Azia
Insônia
Dor
Síndrome pré-menstrual (PMS)
Além disso, o extrato de açafrão é dito para aliviar a dor, suportar a perda de peso, tratar a disfunção sexual e proteger contra algumas formas de câncer. Quando aplicado diretamente no couro cabeludo, diz-se que ajuda no tratamento da alopecia areata.
Benefícios
Até à data, o suporte científico para os efeitos sobre a saúde do extrato de açafrão é bastante limitado. No entanto, vários estudos sugerem que o consumo de açafrão pode proporcionar certos benefícios para a saúde. Veja aqui alguns achados importantes da pesquisa disponível:
1) Depressão
Embora possa ser surpreendente saber que um tempero culinário pode ajudar com a depressão, alguns estudos sugerem que pode ajudar no tratamento desta condição.
Por exemplo, um estudo de 2014 publicado no Journal of Affective Disorders descobriu que o extrato de açafrão era tão eficaz quanto a fluoxetina (um inibidor seletivo de recaptação de serotonina comumente usado para depressão) no tratamento de depressão leve a moderada. O estudo envolveu 40 adultos com depressão, cada um dos quais foi tratado com um suplemento de açafrão ou fluoxetina todos os dias durante seis semanas.
Em um estudo de 2015 publicado no Journal of Affective Disorders , 40 adultos com transtorno depressivo maior tomaram crocino (um componente ativo do açafrão) ou um placebo juntamente com um SSRI. Os resultados revelaram que o grupo que tomou crocante tinha melhorado significativamente as pontuações em avaliações auto-relatadas em comparação com aqueles que tomavam o placebo.
Além disso, uma revisão publicada na Human Psychopharmacology em 2014 concluiu que "pesquisas realizadas até agora fornecem suporte inicial para o uso de açafrão para o tratamento da depressão leve a moderada". Na revisão sistemática de seis ensaios clínicos com controles de placebo ou antidepressivos, os autores da revisão descobriram que o extrato de açafrão teve um grande efeito de tratamento quando comparado a um placebo e foi tão efetivo quanto a medicação antidepressiva.
Relacionados: 8 remédios de depressão natural para considerar
Embora a forma como o açafrão exerça um efeito antidepressivo não seja entendida, algumas pesquisas sugerem que ele pode aumentar os níveis de serotonina (um produto químico conhecido para regular o humor) no cérebro. Pesquisas adicionais são necessárias para entender o funcionamento do açafrão (e identificar possíveis interações medicamentosas e efeitos adversos) antes de poder ser recomendado como tratamento para a depressão.
2) perda de peso e gerenciamento de apetite
Quando usado como ajuda para perda de peso, os suplementos de açafrão são supostos para reduzir o apetite e reduzir os cravings. Alguns proponentes sugerem que o açafrão aumenta os níveis cerebrais de serotonina e, por sua vez, ajuda a prevenir o excesso de compulsão e o aumento de peso associado.
Relacionado: Abordagem totalmente natural da perda de peso
O extrato de açafrão mostra promessa como meio de controlar a compulsão alimentar, de acordo com um pequeno estudo publicado em Nutrition Research em 2010. Para o estudo, 60 mulheres saudáveis ​​com peso excessivo obtiveram um suplemento contendo açafrão ou um placebo todos os dias durante oito semanas (durante o qual a ingestão de calorias dos participantes foi irrestrita).
Os resultados do estudo mostraram que os membros do grupo de açafrão experimentaram uma diminuição significativamente maior no lanche e uma redução significativamente maior no peso corporal (em comparação com os membros do grupo placebo). Os autores do estudo observam que os efeitos supostamente anti-humor do açafrão poderiam contribuir para a diminuição da frequência de lanches.
3) Síndrome pré-menstrual
O extrato de açafrão pode ajudar a aliviar os sintomas de PMS, de acordo com um estudo de 2008 do British Journal of Obstetrics and Gynecology . Depois de tomar suplementos de açafrão diariamente ao longo de dois ciclos menstruais, os participantes do estudo tiveram uma diminuição significativamente maior nos sintomas de PMS do que aqueles que tomaram um placebo durante o mesmo período de tempo.

Relacionados: Remédios naturais para síndrome pré-menstrual (PMS)
O que saber antes de tentar
O açafrão está disponível na maioria dos supermercados. Amplamente disponível para compra on-line, suplementos de açafrão podem ser encontrados em muitas lojas de alimentos naturais e em lojas especializadas em suplementos dietéticos.

Embora o açafrão seja considerado seguro para a maioria das pessoas quando consumido nas pequenas quantidades tipicamente usadas no cozimento, o uso de suplementos de açafrão ou açafrão pode desencadear vários efeitos colaterais (incluindo boca seca, tonturas, náuseas, sonolência, dor de cabeça, sangramento uterino, baixa pressão arterial, e reduções nos glóbulos vermelhos e brancos e plaquetas). Além disso, tomar açafrão em quantidades excessivas pode ser tóxico e levar a vômitos, sangramento, dormência e síndrome de serotonina (uma condição rara, mas potencialmente fatal). Uma dose típica utilizada é 15 mg duas vezes ao dia por até oito semanas. Pesquisas preliminares sugerem que mesmo o dobro dessa dose (que ainda é relativamente pequeno) pode resultar em efeitos adversos.
Não tome açafrão se estiver grávida.
Se você está tomando suplementos ou medicação, como antidepressivos, que afetam o nível de serotonina do corpo, tomar açafrão pode aumentar seu risco de síndrome de serotonina.
Açafrão é comumente usado na culinária, o que pode levá-lo a acreditar que é completamente seguro. Embora existam estudos para demonstrar que podem oferecer alguns benefícios para a depressão, o controle do apetite e a disfunção sexual, ainda há uma falta de ensaios clínicos em larga escala que confirmam esses efeitos. Verificou-se que açafrão causa efeitos adversos, mesmo em quantidades globais relativamente pequenas, e pode interagir com a medicação.
Se você está pensando em usar açafrão para fins de saúde, fale com o seu médico primeiro a pesar os prós e os contras. Também tenha em mente que o autotratamento de uma condição como depressão e evitar ou atrasar cuidados padrão pode ter sérias conseqüências.
Fontes
Agha-Hosseini M, Kashani L, Aleyaseen A, et ai. "Crocus sativus L. (açafrão) no tratamento da síndrome pré-menstrual: um estudo duplo-cego, randomizado e controlado por placebo".
Gout B, Bourges C, Paineau-Dubreuil S. Satiereal, um extrato Crocus sativus L, reduz o lanche e aumenta a saciedade em um estudo randomizado controlado por placebo de mulheres saudáveis ​​com peso excessivo e peso.
Lopresti AL, Drummond PD. Açafrão (Crocus sativus) para depressão: revisão sistemática de estudos clínicos e exame de mecanismos de ação antidepressivos subjacentes. Hum Psychopharmacol.

Shahmansouri N, Farokhnia M, Abbasi SH, et al. Um ensaio clínico randomizado, duplo-cego, que compara a eficácia e a segurança de Crocus sativus L. com fluoxetina para melhorar a depressão leve a moderada em pacientes com intervenção coronária pós-percutânea. J Affect Disord. 2014 fev; 155: 216-22.

Talaei A, Hassanpour Moghadam M, Sajadi Tabassi SA, Mohajeri SA. Crocin, o principal constituinte ativo de açafrão, como tratamento adjunto no transtorno depressivo maior: um ensaio clínico piloto randomizado, duplo-cego, controlado por placebo. J Affect Disord. 2015 15 de março; 174: 51-6. doi: 10.1016 / j.jad.2014.11.035.

Disclaimer: A informação contida neste site destina-se apenas a fins educacionais e não substitui o conselho, o diagnóstico ou o tratamento por um médico licenciado. Não se destina a cobrir todas as precauções possíveis, interações medicamentosas, circunstâncias ou efeitos adversos. Você deve procurar atendimento médico imediato para quaisquer problemas de saúde e consulte seu médico antes de usar remédios alternativos ou fazer uma alteração no seu regime.


Supplement Facts
Tamanho da dose: 1 Capsule
Doses por embalagem: 100
Montante
por dose% Valor
diário
(VD)
Reishi Mushroom Extract
(Ganoderma lucidum) (fruiting bodies) (Standardized to 10% polysaccharides) 500 mg *

Outros ingredientes: Gelatin Capsule, Rice Powder, Vegetable Magnesium Stearate, Silica.
Direções: For adults, take one (1) quick release capsule, two to three times daily, preferably with a meal.
AVISO: If you are pregnant, nursing or taking any medications, consult your doctor before use. If any adverse reactions occur, immediately stop using this product and consult your doctor. If seal under cap is damaged or missing, do not use. Keep out of reach of children. Store in a cool, dry place.
Cardo mariano (silimarina)
Óleo de orégano
Açafrão-da-terra
Chá - Chá de ervas
Nozes e sementes
Suplementos
Óleos essenciais
Roll-on de óleos essenciais
Óleos com fragrâncias
Café
Multivitamínicos
Suplementos de desporto e fitness
Itens em oferta
Compare e economize
Suporte para peso
Aromaterapia
Produtos para animais de estimação
Cremes
Cuidados pessoais

Página inicial > Suplementos de ervas > Cogumelo



Piping Rock

Extrato de cogumelos Reishi 500 mg (normalizado)
500 mg | 100 Cápsulas

Quantidade:Adicione ao carrinho
Etiqueta do produto Mais informações Comentários

Traditional Chinese Wellness

Steeped in centuries of Chinese wellness practices, mushrooms have long thought to possess beneficial properties.** From ancient herbal traditions dating back over 2,000 years, the reishi mushroom is one of the oldest mushrooms used for its wellness properties.**

Piping Rock’s Reishi Mushroom supplements feature an expertly standardized extract of the mushroom’s fruiting bodies. They are available in easy-to-swallow quick release capsules to help with optimal absorption.

chá verde matcha

O chá verde tem benefícios no emagrecimento, porque tem catequinas que aceleram o metabolismo, fazendo com que o organismo gaste mais energia, além de facilitar a digestão, ajudar a regular o intestino e combater a retenção de líquidos no organismo.

O chá verde, que pode ser em pó solúvel, saché ou em cápsulas por exemplo, é rico em antioxidantes e, por isso, tem outros benefícios como:

O chá verde Protege as células do organismo;
O chá verde retardar o envelhecimento celular;
O chá verde Combate o colesterol;
O chá verde prevenir doenças do coração;

Ajudar a prevenir vários tipos de câncer.
Como o chá verde aumentar a concentração mental e, por isso, deve ser tomado especialmente na parte da manhã.

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

.CELULAR, NOVIDADES:13 das capinhas de celular mais bizarras que você já viu.





1. Este modelo com um porta-copos acoplado




2. Esta capa para os viciados em frango


3. Uma sugestão para os mais nostálgicos


4. Esta capinha com um nariz avantajado na parte traseira


5. As assustadoras criações do artista norte-americano Morgan Loebel


6. Estes modelos absolutamente voluptuosos


7. Esta capinha que é praticamente a extensão do corpo humano


8. Uma ideia para os formadores de quadrilha


9. Uma criação voltada para pessoas nem um pouco discretas


10. Esta capa que encontrou inspiração no fundo do mar


11. O modelo ideal para quem se considera um bom ouvinte


12. Esta extravagante capinha felpuda


13. E esta invenção que é sinônimo de economia

(Reprodução/EMGN)