sábado, 17 de agosto de 2013

Os prejuízos do consumo de drogas "TF Teen nos Bairros" realiza ação com palestra sobre libertação do vício, em Maputo...




A Turminha da Fé, mais conhecida como TF Teen, reúne adolescentes entre 11 e 14 anos que frequentemente se organizam para evangelizar e realizar ações de conscientização sobre os prejuízos do consumo de drogas. Recentemente, o grupo de jovens de Maputo, capital de Moçambique, na África, realizou, nos arredores da cidade, o evento “TF Teen nos bairros”, que mobilizou muitas crianças e adolescentes para palestras e apresentações culturais.
O estudante de psicologia Adérito Nandja palestrou sobre os efeitos das drogas para alertar o quanto elas são responsáveis por fazer quem as usa perder as referências de vida e as possibilidades de um futuro de sucesso. “As drogas podem provocar complicações como demência ou alteração no funcionamento mental e físico do indivíduo, redução de esperança de vida, perda de reputação no seio da sociedade, perda de respeito para com os outros, perda de uma carreira estudantil e/ou profissional”, disse Nandja.
Para o estudante, a consciência do indivíduo pode libertá-lo do vício. “A solução desse problema passa necessariamente pelo conhecimento das causas que levam alguém ao consumo de drogas. Primeiro tem que assumir que usar drogas não faz bem, e que precisa mudar. Depois disso, fechar todas as ‘portas’ pelas quais as drogas entraram. Refiro-me às más companhias, à exclusão social, entre outras.”
Ainda que o indivíduo tome consciência de sua condição, sozinho ele trilhará um caminho mais árduo. Porém, com a ajuda de um amigo, ele irá se libertar, poderá ser reinserido na sociedade e levar uma vida verdadeira, de comunhão com Deus. “Os que estão à sua volta devem apoiá-lo. A outra solução seria procurar os profissionais dessa área – como psicólogos, psiquiatras –, frequentar terapias de grupo, centros comunitários ou organizações que trabalham com esse tipo de indivíduo”, ressaltou Nandja.




A responsável geral do TF Teen, Vânia Tana, revelou que a direção do grupo em Maputo, em parceria com o Gabinete Central de Combate às Drogas do Ministério da Justiça, do Governo local, estuda um projeto que capacitará conselheiros da Universal para trabalharem diretamente com os usuários de drogas, no sentido de ajudá-los a abandonar o vício.

Nenhum comentário:

Postar um comentário