sexta-feira, 28 de setembro de 2018

QUE SEMPRE SE FALOU (EU NÃO Rrs) O HOMEM NAMORA AS LOIRAS E CASA COM AS MORENAS... "As ruivas mais belas de Hollywood"! ONDE FICAM?



 QUE SEMPRE SE FALOU (EU NÃO Rrs) O HOMEM NAMORA AS LOIRAS E CASA COM AS MORENAS... "As ruivas mais belas de Hollywood"! ONDE FICAM? 

Imagem relacionada



Da esquerda para a direita: a apresentadora Maria Eugenia Suconic, a cantora Florence Welch e a atriz Marina Ruy Barbosa

“Os homens preferem as loiras, mas casam-se com as morenas”. Deve ser porque eles ainda não conheceram nenhuma ruiva! Brincadeiras à parte, esse dito popular antigo e um tanto quanto machista é uma balela! Mas o que interessa mesmo é que tem MUITA ruiva maravilynda nesse mundo!






E você já imaginou quais são os motivos de algumas pessoas nascerem ruivas e outras não? Há séculos atrás tinha gente que acreditava bizarramente que os ruivos eram bruxos(as) e tinham pacto com o tinhoso. Mas a real mesmo é que o rutilismo é resultado de uma modificação causada por um gene recessivo (alô, alô aula de genética!) e que atinge cerca de apenas 1% da população mundial. Ou seja, é tipo uma loteria do DNA. :)
As diferenças entre loiras, morenas e ruivas já ganhou diversas pesquisas de opinião e é motivo de distinção social desde a antiguidade . Se as loiras são mais sedutoras e as morenas são "para casar", estudo nenhum conseguiu provar, mas uma atriz que é ícone de beleza contou suas experiências com as duas cores de cabelo. Para Olivia Wilde , o tratamento que se presta a uma loira e uma morena, pelo menos no "showbizz" de Hollywood, é muito diferente. A atual morena dividiu suas impressões com o site "Into The Gloss".
"ACHO QUE A IDEIA DE QUE AS MORENAS SÃO MAIS INTELIGENTES AINDA EXISTE, MESMO QUE NÃO FAÇA SENTIDO"


Mulheres que Amamos – Scarlett Johansson | Salada de Cinema
saladadecinema.com.br




A atriz, que já foi apontada como a mulher mais sexy do mundo, contou sobre as épocas em que era loira e morena e como as cores dos cabelos podem ter influenciado em sua carreira: "passei os primeiros anos da carreira super loira. Eu era uma espécie de 'a menina realmente bonita' ou 'a garota sensual'. 


Naquele ponto da carreira, eram papéis que não me interessavam. Quando tingi os fios de castanho por conta de um papel, as ofertas de personagens mudaram bastante. 

Imagem relacionada

As ofertas passaram a ser para interpretar uma 'garçonete com um coração de ouro' ou uma médica.

Resultado de imagem para As ruivas mais belas de Hollywood

 Me perguntei na época se me ofereceriam esses papéis se eu ainda fosse loira. Acredito que não".



Por outro lado, quando o assunto era a vida social, Olivia percebeu uma mudança nos olhares masculinos quando virou morena. "Me sentia invisível porque você entra em um ambiente e ninguém olha para você.


Resultado de imagem para As ruivas mais belas de Hollywood

 Quando se é loira, é como se um holofote estivesse sempre posicionado sobre sua cabeça. As pessoas não podem evitar olhar", lembrou.

Mulheres que Amamos – Scarlett Johansson | Salada de Cinema
saladadecinema.com.br




Olivia Wilde conta sobre as diferenças sociais e profissionais de ...
belezaextraordinaria.com.br





Love Things: As Ruivas mais Sexy de Hollywood
lovethiings.blogspot.com





Top 10 ruivas que amamos – Série Maníacos
seriemaniacos.tv




As ruivas mais belas de Hollywood - parentztalk.com
parentztalk.com




As ruivas mais belas de Hollywood - Blog Social 1
m.blogs.ne10.uol.com.br




Alma Ruiva: Abril 2012
almaruiva.blogspot.com




Mulheres que amamos: as ruivas mais sensacionais do cinema | Cinema ...
cinemacomrapadura.com.br




Mary Jane: 10 atrizes ruivas (e gatas!) que poderiam interpretar a ...
cineclick.com.br




Notícias ao Minuto Brasil - Confira as ruivas mais belas de Hollywood
noticiasaominuto.com.br




As belas ruivas de Hollywood - Atualidade - SAPO Lifestyle
lifestyle.sapo.pt




As loiras mais poderosas de Hollywood | MdeMulher
mdemulher.abril.com.br


Imagem relacionada

As loiras mais espetaculares de todos os tempos - MDig
mdig.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário