sexta-feira, 16 de junho de 2017

Trevo...Plantas alimentícias que poderíamos consumir, mas não consumimos. Broto de Trevo Trifolium repens | Inglês: Clover

Colaboração:






Jane Bueno de Camargo


Broto de Trevo


Trifolium repens | Inglês: Clover

FAMILIA: Fabaceae

ORIGEM: De ampla distribuição e diversidade, é encontrada no hemisfério norte e sul, especialmente na América do Sul e África, incluindo as altas montanhas.




HISTÓRIA: “Trevo” é o nome de cerca de 300 espécies de plantas. São plantas que nascem duas vezes ao ano sendo algumas perenes. As folhas são compostas de três partes, origem de seu nome. As flores são de cores variadas: vermelha, rosa,branca ou amarelas e as pequeninas sementes encontram-se num pequeno cálice.
Várias espécies são cultivadas como plantas comestíveis mas as principais são a Trifolium repens e a Trifolium pratense. É usada também como adubo verde.
O trevo é uma planta melífera, isto é, visitada pelas abelhas para produzir mel.
É considerado um “alimento de sobrevivência” por ser encontrada por todos os lados e por ser rica em proteínas. As flores, também comestíveis ficam lindas nas saladas!

CURIOSIDADES: O trevo é considerado um símbolo na tradição judaica representando a Santíssima Trindade devido as três partes da folha. Ocasionalmente o trevo tem as 4 folhas e como raridade é considerada símbolo da boa sorte e prosperidade.

COMPRAS: As sementes podem ser encontradas no comércio de alimentos naturais,casas de sementes importadas ou diretamente com o importador de sementes, pois elas chegam ao Brasil viajando da Austrália! Bastante populares, os brotos de Trevo podem ser encontrados nas prateleiras de alguns supermercados, assim como a alfafa e feijão moyashi.

GERMINAÇÃO: Os Brotos de Trevo podem ser cultivadas no Ar ou na terra. São mais digestivas sob a forma de brotos do que como sementes germinadas.

SALADA DE BROTOS DE TREVO PARA SANDUÍCHE DE PÃO DOS ESSÊNIOS
Prepare o pão dos essênios e desidrate no sol (veja receita)
Recheie com:
Pasta de missô
Rodelas de tomate
1 xícara de Trevo
Tempere com azeite e gotas de limão

 

Matos de Comer: Trevo
As plantas alimentícias não convencionais (PANC) são plantas que a maioria de nós não comemos, ou por falta de conhecimento, ou mesmo costume. Portanto, são plantas alimentícias que poderíamos consumir, mas não consumimos.
Incluem assim uma vasta gama de matos de comer ou hortaliças. Ainda, frutas silvestres e cultivadas em vários lugares; alguns tipos de grãos, vagens, feijões e cereais.
O interesse crescente por essas plantas não está somente em suas características nutricionais, mas também em sua valorização, sendo que as mesmas sofrem um sério risco de desaparecerem. Ainda, auxilia na valorização da nossa diversidade nativa, popularizando o seu uso em determinadas regiões



Da serie Matos de comer, a quarta planta a ser citada é o: Trevo



Também chamado de azedinho, os trevos podem ser comidos, porém em poucas quantidades, devido ao ácido oxálico, sendo tóxicos em excesso. Inclusive, é essa substância que deixa o trevo com esse sabor.
Crescem por toda parte, com pequenas folhas verdes, formando um trevo, às vezes de 3 folhas, as vezes de 4 folhas, das mais diferentes tonalidades de verde, e as vezes até roxas.
Além de suas folhas, seus bulbos também podem ser consumidos, mas com a mesma regra citada acima.



Bulbos de Trevo. Foto: Come-se
Se você não gostar da ideia pode fazer só com o shitake e o rabanete que fica bom. Para finalizar o prato, folhas crocantes e lindas de broto de trevo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário