sábado, 29 de agosto de 2015

ALERTA MAXIMO, USUÁRIOS DE DROGAS PRESOS!...Diferenças do antes e o depois. Isto é real, FOTOS, VAMOS DIVULGAR, ISSO É AMOR AO PRÓXIMO!

Diferenças do antes e o depois. Isto é real, FOTOS, é Amor ao próximo!

Fotos do antes e depois das drogas.

Preocupado com o crescente número de usuários de drogas, o Dep. De polícia de Londres espalhou inúmeros cartazes e Autdoors, mostrando usuários de drogas presos e a diferença do antes e o depois de novas prisões.




























São os vários tipos de drogas que levam as pessoas ao vício chegando infelizmente à morte, destruindo vários sonhos e famílias. São vários os nomes Oxi, Cristal, cocaína, maconha, crack entre outros. Pessoas que antes tinham uma vida social acabaram chegando ao fundo do poço.


Muitas celebridades e anônimos estão se acabando em drogas e bebidas. A maldição dos 27 retrata bem esse quadro, pessoas famosas que morreram recocemente no auge de sua fama. Vou citar nomes de algum Amy Winehouse, Jimi Hendrix, Jim Morrison, Janis Joplin, Kurt Cobain, Brian Jones entre grandes outros nomes do mundo do show business. Quanto tempo ainda as drogas irão fazer vítimas, desestruturar famílias e sonhos. A sociedade só enxergam a morte de estrelas, mas quantos famílias estão chorando neste exato momento!? Será que um dia nossos governantes conseguirão extinguir de vez as drogas!? Será que um dia as pessoas saudáveis tomarão conta e se recusarão à dar o primeiro passo nesse mundo obscuro para se livrar de problemas cotidianos e passarão a enfrentar tete a tete suas mazelas sem precisar intermediar ao crack, maconha entre muitos outros que dão alívios momentâneos!? Será que um dia nós nos livraremos de tudo isso? São perguntas que talvez nunca tenhamos respostas!
Fotos de usuários de drogas antes saudáveis e depois acabados na droga;



















































Preocupado com o crescente número de usuários de drogas, o Dep. De polícia de Londres espalhou inúmeros cartazes e Autdoors, mostrando usuários de drogas presos e a diferença do antes e o depois de novas prisões.

No RN não é muito diferente, a falta de esportes para nossos jovens deixa-os cada vez mais a mercê das drogas.
Diga não ao crack, uma vez com ele, é muito difícil voltar, esta droga maldita tem o poder de deixá-lo dependente em apenas poucos segundos.
Se uma pessoa lhe oferecer drogas diga não e ore por ele...

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

O sucesso do momento.... O Brasil aclama...!Arroz de galinha caipira... é facil e de dar água na boca!



O sucesso do momento.... O Brasil aclama...!Arroz de galinha caipira... é facil e de dar água na boca!   




arroz_galinhacaipira© Fornecido por Gastrolândia arroz_galinhacaipira
A Tasca do Arouche, em São Paulo, tem novidades no cardápio, todas para compartilhar em duas pessoas: Bacalhau ao forno (R$ 220), Moqueca de frutos do mar (R$ 220) e este delicioso Arroz de galinha caipira (R$ 200) que você aprende agora a fazer. Rendimento: 6 porções
Ingredientes
  • 1,5kg de galinha caipira
  • 50g de alho
  • 3 cebolas cortada em cubo
  • 4 folhas de louro
  • 10g de pimenta do reino em grão
  • 100g de bacon
  • 400g de vinho tinto
  • 400g de molho shoyu
  • 50g de caldo de galinha
  • 50g de caldo de carne
  • 200ml de azeite
  • 1kg de arroz
  • água o quanto baste
Como fazer
Em uma panela, no fogo médio, esprema o alho e coloque a pimenta em grãos, as cebolas picadas, as folhas de louro, o azeite, o vinho tinto e o molho shoyu. Depois, coloque a galinha cortada em quatro partes com o caldo de galinha e o caldo de carne. Cubra com água.
Deixe cozinhar até a carne ficar macia. Reserve o caldo. Desosse a galinha, jogue fora os ossos e reserve a carne. Use o molho para fazer o arroz. Quando pronto, junte a carne da galinha desfiada. Sirva.

O norte-americano Colin Wehrle, flagrou uma cobra atacando um peixe e decidiu registrar o momento.



O norte-americano Colin Wehrle, flagrou uma cobra atacando um peixe e decidiu registrar o momento.

Um homem foi surpreendido durante uma pescaria em uma lagoa no estado de Iowa, nos Estados Unidos.
O norte-americano Colin Wehrle, flagrou uma cobra atacando um peixe e decidiu registrar o momento.
O homem conseguiu fotografar o momento exato do ataque da enorme cobra da espécie Nerodia sipedon, dando o bote em um peixe bagre.
Segundo o site USA Today, o Departamento de Recursos Naturais informou que a  Nerodia sipedon é uma espécie de cobra d'água e não é venenosa. Ela é muito parecida com a mocassim d'água, uma das mais venenosas dos EUA.

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Brócolis com Queijo - Saudavel...DELÍCIA...

Brócolis pode ajudar no combate ao câncer de pele, 

diz pesquisa...




Sedutor... exelente para a saúde e gostoooso!
Brócolis com Queijo... 





.Animais no topo da cadeia alimentar são essenciais para equilíbrio dos ecossistemas...os animais mais importantes do planeta...

Predadores do topo da cadeia alimentar podem ser os animais mais importantes do planeta...


Humanos sempre tiveram uma relação complicada com outros predadores. Ursos, crocodilos, tubarões-brancos — estas são algumas das criaturas mais incríveis do mundo. E, obviamente, não queremos estes animais no nosso quintal. Mas evidências científicas revelam que precisamos deles muito mais do que imaginávamos.
Qualquer que seja a sua opinião sobre os animais mais poderosos da Terra, não existe dúvida acerca da importância deles para o nosso planeta. Os pumas estão fazendo mais do que controlar a população de cervos. As pegadas deles passam por ecossistemas, modelando desde o número e tipos de plantas e animais que vivem ali, até quais doenças vão eclodir.
rjacgptgnklthywjewlu
Leopardo-das-neves expondo os dentes. Imagem: Wikimedia
Para entender por que os principais predadores da Terra são importantes (e por que eles são vulneráveis), precisamos começar do princípio. Todo ecossistema tem um limite de energia, ditado pelo número de produtores primários — plantas na terra, micróbios fotossintéticos no oceano. Se imaginarmos a cadeia alimentar como um escada, conforme damos passos mais elevados — ecologistas chamam essas escada de níveis tróficos — a energia disponível cai cerca de dez vezes para cada passo. Isso significa que, em um ecossistema com uma planta, um herbívoro e um carnívoro, as plantas terão 100 vezes mais energia em sua biomassa que os carnívoros.
x7pyy5mzhvsasf7rex2d
É solitário estar no topo, conforme ilustra este gráfico da pirâmide trófica. Imagem:Wikimedia
Esse é a razão pela qual os predadores que estão no topo da cadeia alimentar são animais tão raros. Muitas cadeias alimentares consistem de meia dúzia ou mais de níveis tróficos, e até uma raça chegar ao topo, já não existe mais tanta energia disponível. Além disso, estes predadores são acumuladores de energia: eles são grandes e precisam de muitas calorias para caçar. O tigre siberiano — o maior gato do mundo — pesa cerca de 320kg e pode comer com facilidade 30 kg de carne em uma única refeição.
É a população naturalmente pequena destes predadores que os deixa vulneráveis. De fato, desde tempos pré-históricos, humanos ajudaram a levar estes predadores à extinção, incluindo tigres dente-de-sabre e répteis gigantescos. Mais recentemente, destruição do habitat e caça predatória deixaram muitos predadores-chave, incluindo o tigre siberiano, o tubarão-branco e o lobo etíope à beira da extinção; e quando predadores desaparecem, ecossistemas se desmancham.
zb2lruq0pea9mxislxmq
O Crocodilo-de-água-salgada é o maior réptil de todos, chega a pesar 2.000 kg. Imagem:Mike / Flickr

Efeito cascata

Quando um ecossistema perde uma espécie-chave, abre-se caminho para o que ecologistas chamam de cascata trófica — um efeito borboleta que desce em espiral na cadeia alimentar. Um estudo de caso bem documentado sobre este fenômeno é o do lobo cinzento, que já foi um dos animais mais bem distribuídos do mundo. Historicamente, estes lobos percorreram todo o norte de metade das Américas, mas por volta do século XX, campanhas de caçaeliminaram o animal de 48 estados dos Estados Unidos.
Antes da extinção, o lobo cinzento americano era o principal predador de cervos, alces, bisões e caribus, além de muitos outros mamíferos menores. Quando os lobos desapareceram, o número de cervos disparou, com algumas populações registrando seis vezes o tamanho original. Fora de controle, cervos são como cortadores de grama, destruindo cascas de árvore e acabando com certas plantas. Isso pode diminuir a quantidade de carbono que uma floresta armazena, impactando na diversidade das plantas, além de enfraquecer a resistência da floresta a futuros distúrbios. Conforme noticiado ano passado pela Science, a recente reintrodução de lobos ao Parque Nacional de Yellowstone permitiu que algumas das áreas anteriormente devastadas pelos cervos se reflorestassem, o que aumentou absorção de carbono da floresta.
kzeiisf3nm2fq5mxi5gf
Imagem: Wikimedia
Os lobos também mantêm o número dos herbívoros de florestas canadenses — dos alces, neste caso. Como mastigadores vorazes de árvores, uma população sem controle de alces pode comer folhagem o suficiente para minimizar uma floresta, reduzindo a habilidade dela de apanhar e armazenar carbono. Um estudo publicado ano passado pela Ecosystemsconcluiu que restaurar a população de lobos cinzentos ao seu tamanho original poderia, em teoria, aumentar a quantidade de carbono mantida na floresta boreal canadense em uma quantia equivalente à quantidade anual de carbono emitida pelo homem no Canadá.
Os lobos também providenciam outros serviços essenciais, como a diminuição da propagação de doenças infecciosas. Em décadas recentes, a Doença de Lyme, transmitida por carrapatos e encontrada em todo território norte americano, está em ascensão, com mais de 1000% de crescimento em algumas áreas. Um estudo de 2012 publicado no Proceedings of the National Academies of Sciences demonstrou como a propagação da Doença de Lyme é resultado de uma complexa cascada trófica desencadeada no topo da cadeia alimentar. Desde o desaparecimento dos lobos, os coiotes receberam o status de predadores principais. Coiotes caçam carnívoros menores, incluindo raposas, que, por sua vez, caçam pequenos herbívoros e mamíferos — principais transportadores dos carrapatos. Mais coiotes significam menos raposas, causando o crescimento de populações inteiras destes transportadores de carrapatos.
Estudos ecológicos tornam clara a importância dos lobos, que vai muito além de controlar a população de cervos — eles são os alicerces daquele ecossistema. Mas falando de predadores do topo da cadeia alimentar, existem outros casos fascinantes, alguns deles acontecendo em partes do planeta com as quais não somos muito familiarizados.

Predadores oceânicos

A baleia Cachalote reina no Oceano Antártico, na Antártica. Classificado como o maior predador com dentes do planeta, esse cetáceo pode atingir até 15 metros de comprimento e mergulhar a 2.250 metros de profundidade para caçar lulas gigantes. Entretanto, mais do que um poderoso caçador, a cachalote é um importante fertilizador. Quer dizer, pelo menos o excremento dela é.
Depois de se alimentar nas profundezas, a cachalote volta à superfície para defecar excrementos ricos em ferro. Chamadas de “cocô-namis”, eles são como fertilizantes para os fitoplânctons, os micróbios fotossintéticos que, coletivamente, são responsáveis por 50% da retirada de carbono da nossa atmosfera todo ano. Um estudo publicado na Proceedings of the Royal Society B descobriu que o excremento da cachalote é responsável por absorver cerca de 200 mil toneladas de carbono das profundezas do oceano. Duzentas mil toneladas — tudo graças ao cocô de baleia. E este número poderia ser 10 vezes maior caso a caça não tivesse diminuído a população das cachalotes (alô, Melville).
E, é claro, não seria justo falar de predadores oceânicos sem mencionar tubarões. Para compreender melhor o mais icônico dos peixes dentados, conversei com David Shiffman, ecologista marinho da Universidade de Miami e defensor de tubarões que escreve naSouthern Fried Science. Tubarões também têm diversos papéis em um ecossistema.
“É muito comum pensar que os tubarões influenciam a cadeia alimentar porque devoram outros animais”, diz Stiffman. “Mas muitas pesquisas mostram que os tubarões têm um impacto muito maior ao influenciar o comportamento das presas”. Basicamente, eles convencem as criaturas do oceano a manter distância.
f2pi4j6bxrfqcbzfmfpv
Um tubarão-tigre jovem nas Bahamas. Imagem: Wikimedia
Saber que a mera presença de tubarões dita em que lugar outros organismos vão ficar é uma descoberta relativamente nova, com a qual os ecologistas ainda estão aprendendo a lidar. O fenômeno foi muito bem documentado na Shark Bay, Austrália; essa região é moradia para uma das maiores populações de tubarões-tigres, um predador que pode atingir 5 metros de comprimento e 630 kg.
“A presença de tubarões-tigre pode influenciar o comportamento de golfinhos, tartarugas, peixes e até de pássaros”, diz Shiffman. “As áreas nas quais os herbívoros se alimentam são determinadas pelos tubarões e isso pode influenciar a cadeia alimentar inteira”. De fato, estudos em andamento na Shark Bay Ecosystem Research Project mostram como a localização dos tubarões pode impactar indiretamente no crescimento de plantas marítimas, que formam a arquitetura física do ecossistema.

Futuro Incerto

pj1l43d97zlnnbiay4he
O Tigre-siberiano este é um dos grandes felinos mais ameaçados da Terra. Imagem:Ross Elliot / Flickr
Existem diversos estudos que expõem o impacto de outros predadores além destes mencionados. Mas os mais comuns são sobre os predadores que não compreendemos muito bem, por ainda não termos estudado o suficiente sobre o papel deles no ecossistema. Infelizmente, muitas dessas espécies estão desaparecendo enquanto aprendemos a apreciar as muitas maneiras que eles administram ecossistemas.
Dos 31 dos maiores mamíferos da ordem Carnivora — uma lista que inclui lobos, felinos, ursos e hienas — 61% são listados como ameaçados pela União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais. 77% estão em declínio. Um grupo de cientistas ambientais escreveu na Science como o desaparecimento dos predadores do topo da cadeia alimentar pode afetar ecossistemas em todo o mundo. “Devemos esperar surpresas, porque estamos começando a entender a influência destes animais na natureza”.
Incluídos nas surpresas deste impacto estão as maneiras como o desaparecimento destes carnívoros pode nos afetar. Os maiores predadores da Terra inspiraram nossas histórias, mitologias e arte desde o início da cultura. Perdê-los é mais do que uma derrota para o meio ambiente — é uma derrota para a humanidade.
Imagem de capa via Travelbag Ltd

RECEITA: COUVE-FLOR RECHEADA...Amor a primeira (Mordida) vista..


Amor a primeira (Mordida)  vista...






Isso deve ser muito bom....Vamos la é muito facil






COUVE-FLOR RECHEADA Emoticon heart
Não consigo mais fazer nada sem compartilhar com vocês! Esses dias queria comer algo diferente e descobri essa receita delícia! Junto com a panela, fui correndo pegar a câmera pra ensinar pros meus queridos seguidores Emoticon heart ! E fica muito BOOOOM!
No vídeo completo do Youtube o passo a passo está mais explicadinho!
>>> Dica da técnica em Nutrição Rosi Sene pra higienização da couve-flor: coloque em uma vasilha cheia de água com 2 colheres de água sanitária e deixe a verdura por 10 a 15 minutos nessa solução e depois enxaguar em água corrente ou em outra vasilha com água limpa. Não fica com cheiro algum de água sanitária.
Beijujubas!



2° versão...


Agricultora Ensina A Fazer Couveflor Recheada 








terça-feira, 25 de agosto de 2015

TORRE EIFFEL, PARIS, uma das novas 7 maravilhas do mundo...Situada em Paris, é um símbolo não só da cidade mas da própria França no Mundo...

TORRE EIFFEL, PARIS, uma das novas 7 maravilhas do mundo...Situada em Paris, é um símbolo não só da cidade mas da própria França no Mundo...

TORRE EIFFEL, PARIS

by VIAGENS on DECEMBER 30, 2011...

A Torre Eiffel foi um dos finalistas na votação para as (novas) 7 maravilhas do mundo, em 2007. Situada em Paris, é um símbolo não só da cidade mas da própria França no Mundo, estando representada em dezenas de filmes.




Foto que tirei de baixo da torre Eiffel... Diferente né?


Quando a visitei era uma tarde e ela só acendia as luzes á noite...




Aguardei umas duas horas, até que ela fosse iluminada... só saí quando pude fotografa-la com estas lindas luzes amarelas...


A torre foi projetada pelo famoso engenheiro Gustave Eiffel, sendo uma prova da capacidade da engenharia e da construção em ferro do século XIX. A torre tem 324 metros de altura (com as antenas acrescentadas), se tornando o mais alto edifício do mundo no momento da sua conclusão, em 1889. Foi construída para assinalar o centenário da Revolução Francesa e a Exposição Mundial que decorreu em Paris nesse ano. A ideia inicial era que fosse uma obra temporária, mas o seu interesse científico e técnico evitou a sua demolição. A torre serviu de antena emissora de rádio, de televisão, de baliza de orientação para aviões, e continua a manter essa função, estando aí instalado um emissor de televisão digital.


No entanto, a Torre veio a ser conhecida não pelas suas funções técnicas mas pelo seu papel como destino de viagens internacionais de todo o mundo, especialmente depois da Segunda Guerra Mundial.
A Torre recebe anualmente cerca de 7 milhões de visitantes, tendo já sido visitada por quase 250 mil milhões de visitantes desde a sua abertura. Com estes números, não admira a sua inclusão numa lista para escolher as (novas) 7 maravilhas do mundo.
A Torre Eiffel é um cenário ideal para visitas em família mas também para viver um romance único. Permite desfrutar uma vista incomparável do alto da torre e é possível tomar uma refeição nos restaurantes aí instalados.
Turistas de todo o mundo apostam na compra coletiva de viagens ou procuram pacotes econômicos que lhes permitam visitar a Torre e ver as outras atracões de Paris, como a Catedral de Notre-Dame, o museu do Louvre, a Basílica do sagrado Coração ou dar uma passeio de barco no rio Sena.
Mesmo não tendo sido eleita para estar entre as (novas) 7 maravilhas do mundo, a Torre Eiffel é certamente uma visita a fazer pelo menos uma vez na vida!



Nunca irei me esquecer desta maravilha...A Torre Eiffel é um sonho que pude alcançar e que nunca esquecerei...
Postado e editado por:
JO/Eli  João Eli Cassab...




Remédios caseiros para você livrar sua casa das formigas...


Remédios caseiros para você livrar sua casa das formigas...

















Não se engane! As formigas, apesar da fama de inofensivas, podem ser piores do que as baratas. Elas são grandes transmissoras de doenças, pois entram em contato com fezes, lixo, feridas e animais mortos. Já temos motivos suficientes para eliminá-las da nossa casa, não é verdade? Sim, já temos. Mas isso deve ser feito com produtos naturais, que não agridem o meio ambiente. Por isso trouxemos algumas dicas naturais e caseiras para ajudar no combate às formigas. Veja: 1. Suco de limão Estrema um pouco de...

Remédios caseiros para você livrar sua casa das formigas

--> 
Não se engane!

As formigas, apesar da fama de inofensivas, podem ser piores 

do que as baratas.

Elas são grandes transmissoras de doenças, pois entram 

em contato com fezes, lixo, feridas e animais mortos.

Já temos motivos suficientes para eliminá-las da nossa casa, 

não é verdade?

Sim, já temos.

Mas isso deve ser feito com produtos naturais, que não 

agridem o meio ambiente.

Por isso trouxemos algumas dicas naturais e caseiras 

para ajudar no combate às formigas.




Veja:
1. Suco de limão

Estrema um pouco de limão onde tem grande quantidade de 

formiga.

2. Canela

Dissolva duas colheres de sopa de canela em pó em meio litro 

de água.

Em seguida, coloque um pouco de cravo-da-índia e jogue 

em lugares onde há muitas formigas.

3. Água e detergente biodegradável

Coloque um litro de água para ferver.

Em seguida, acrescente um pouco de detergente de prato e 

jogue na área crítica.

4. Bicarbonato de sódio e açúcar

Misture os dois ingredientes e coloque em lugares onde há 

formigas.

5. Café

Esta dica tem um resultado diferente: não mata as 

formigas, mas afugenta e evita que elas se instalem em sua 
casa.

Jogue um pouco de café moído em lugares onde essas 

pequenas costumam ficar.

NÃO BRINQUE COM A SORTE

Se uma barata encosta em nossa comida, com certeza jogamos 

o alimento fora.

Mas por que isso não acontece quando se trata de formigas?

Formigas são mais comuns na cozinha e o máximo que 

fazemos é espantá-las para longe dos alimentos.

Lembre-se: elas são tão prejudiciais quanto qualquer outro 
inseto que anda em lugares contaminados.