segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

NAS PROFUNDEZAS DESSE OCEANO, CORRE UM RIO SEM QUE A ÁGUA DOCE SE MISTURE COM A SALGADA


Na península de Yucatan, no México, fica Cenote Angelita, uma caverna subaquática surreal capaz de proporcionar uma experiência única a mergulhadores que se aventuram por lá.
A parte surreal se deve a um rio que flui através do oceano sem que a água doce se misture com a salgada. Como isso é possível? Graças a uma fina camada de sultado de hidrogênio que separa a água e mantém a doce na parte superior e a salgada abaixo. Ao mergulhar abaixo de 30 metros, é possível se aproximar do fundo, onde há uma espécie de nuvem cercada de galhos e troncos de árvores. Esse cenário, somado ao azul da água, faz com que os mergulhadores sintam que estão voando sobre uma espécie de floresta mística.
O fotógrafo Anatoly Beloshchin tirou algumas fotos espetaculares desse fenômeno que ocorre naturalmente:




Nenhum comentário:

Postar um comentário