segunda-feira, 17 de junho de 2013

MODERAÇÃO PESSOAL. Alerta: consumo de sementes de chia pode causar a morte através de oclusão intestinal.


Alerta: consumo de sementes de chia pode causar a morte através de oclusão intestinal...

Por Bruno Rizzato
Resultado de imagem para chia fotos planta
A nova moda alimentar para pessoas que buscam emagrecimento e benefícios de saúde é o consumo das sementes de chia (Salvia hispanica).
Com propriedades nutritivas, possuindo cálcio, ômega 3, magnésio, manganês, fibras, antioxidantes, capazes de ajudar na desintoxicação, diminuição da ansiedade, do estresse, dos níveis de colesterol e triglicérides, retardar o envelhecimento, fortalecer os músculos e prevenir doenças cardiovasculares, a semente surgiu como um verdadeiro “milagre” para a saúde. Parece algo incrível, mas, é preciso tomar muito cuidado com seu consumo.

Resultado de imagem para chia fotos planta
Por reter grandes quantidades de água, seu peso pode se expandir em até 7 vezes! Isso já levou muitos consumidores assíduos de chia aos hospitais. Porém, o maior perigo é quando a semente seca é ingerida, inclusive podendo causar risco à vida das pessoas.

Nos EUA, um homem de 39 anos consumiu apenas uma colher de chia seca e tomou água em seguida. Ele foi parar no hospital, pois o grão, em contato com a água, expandiu e entrou em colapso em seu esôfago.

Imagem relacionada

Isso bloqueou seu trato digestivo, dificultando inclusive sua respiração. Por pouco, o acidente não lhe custou a vida. Segundo a norte-americana Nina Manolson, consultora em saúde, se a semente não for deixada em algum líquido antes do consumo, para que possa expandir o suficiente com a retenção do líquido, ao entrar em contato com o líquido no interior do organismo, uma oclusão pode ocorrer.

Um estudo feito pela médica Rebeca Rawl, chamado ‘O Impacto da Semente de Chia no Esôfago’, explica que o consumo de chias secas não deve ser feito, em hipótese alguma, sem antes consultar um médico, por diversos motivos.

Dentre eles, existem grupos de risco, como os hipertensos (principalmente os medicados), pois a semente reduz a tensão arterial, causando hipotensão; os hipotensos, que, segundo um estudo do Hospital St. Michael’s, em Toronto, no Canadá, podem sentir dor de cabeça, cansaço e sono em excesso, por conta da redução da pressão arterial; pessoas que tomam anticoagulantes, por conta do ômega 3 da chia, que, potencializa o efeito da medicação; hemofílicos, podendo ter hemorragias e hematomas pelo corpo; diabéticos, que, combinando com a insulina, intensifica a redução do açúcar no sangue; pessoas que tiveram operação no trato gastrointestinal, por intensificar as atividades locais; e, por fim, pessoas com diarreia, pelo mesmo motivo anterior.

Uma resposta merecida...Cara amiga de Facebook, Carla Larri Corder Perez.



Cara amiga de Facebook, Carla Larri Corder Perez. Acabei de ver quando vc me contatava desde Anchorage obrigado pela sua atenção.
Fiquei surpreso e ao mesmo tempo satisfeito porque sinceramente fiquei curioso para saber quem poderia me acessar de tão longe, Anchorage, ALASKA.
Fiquei até com vontade de mandar uma foto da sua cidade para que vc visse que eu tinha notado não deu tempo....Não costumo me estender tanto mas como que percebi que vc ficou uns cinco minutos lendo.
repondo com prazer; quando á chia, eu também consumia e parei um pouco mas vou voltar, para usá-la eu a deixava junto de alguns outros grãos imerso num recepiente por 20 minutos , ela absorvia agua e depois eu as batia com frutas, laranja ou agua, nunca tive problemas, alias sempre achei ótimo e parei mais por preguiça do que por algum problema qualquer.
Aquilo que postei foi mais por ser um assunto que do interêsse de todos e que pra uns acontece outros não fico muito feliz com sua participação.
Foi ótimo falar contigo de tão longe, ahhh Amei as montanhas cobertas de neve que da para serem vistas da sua linda cidade. Obrigado pela sua tenção Carla Larri Corder Perez abçs.

Nenhum comentário:

Postar um comentário